13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Noites de animação musical no Casino Lisboa em Novembro

 

O Casino Lisboa propõe, em Novembro, um novo programa de animação musical. No Arena Lounge, sobem ao palco-multiusos, de Quarta-Feira a Sábado, os Miss Manouche, CandyBlues, Plágio, Maria Anadon e “Tributo 100 Anos de Samba”.Com um cartaz a não perder, o Casino Lisboa recebe, ainda, de Quinta-Feira a Sábado, pouco depois da meia-noite, conhecidos DJ’s que proporcionam um ambiente festivo até de madrugada. A entrada é livre.

 

 

É já na próxima Quarta-Feira, 31 de Outubro, que os Miss Manouche se apresentam no Arena Lounge. O ritmo swing dos anos 20/30, a paixão fogosa do jazz e da incontornável figura de Django Reinhardt são o cartão-de-visita deste quarteto, que actua até 3 de Novembro.

 

Os êxitos vocais radiofónicos desta época constituem o repertório de Miss Manouche, repleto de ritmos quentes e dançáveis aos quais é impossível ficar indiferente. Com Luís Bastos (clarinete/voz), João San Payo (baixo/voz), Ian Mucznik (voz/guitarra) e Alcides Miranda (guitarra).

 

 

Com um formato acústico especial, os CandyBlues estão de volta, de 7 a 10 de Novembro, ao Arena Lounge para explorar um vasto elenco de standards, privilegiando a sonoridade quente do r&b.

 

Os CandyBlues irão apresentar, também, algumas versões do seu projecto de originais intitulado "Candymoon". A vocalista Célia Ramos será acompanhada por Pedro Leónidas na guitarra, Sérgio Fiúza no contrabaixo, Alessi Vellotti nos teclados, e Vasco Gomes na bateria.

 

 

Inspirada nos melhores êxitos do rock, pop, blues, soul e country, a banda Plágio actua, de 14 a 17 de Novembro, no Arena Lounge. Trata-se de um quarteto constituído pela vocalista Vanessa Ferreira, por vezes ao piano; João Loureiro na guitarra; Nuno Correia no baixo e Tiago Santos na bateria.

 

Os Plágio recriam êxitos dos Queen, Elvis Presley, Beach Boys, Aretha Franklin, James Brown e Tina Turner. A banda interpreta, ainda, outros sucessos mais recentes dos Maroon Five, Joss Stone e Amy Whinehouse. Os temas apresentados demonstram liberdade de arranjos musicais, dando lugar à criatividade, engenho e personalidade musical própria da formação.

 

 

Por sua vez, Maria Anadon sobe ao palco multiusos do Arena Lounge, de 21 a 24 de Novembro, assegurando um ciclo de actuações dedicado ao jazz, do clássico ao menos convencional.

 

Maria Anadon apresenta um reportório de Jazz Standarts e Bossa Nova, com temas de Sting, Jobim, U2, Cole Porter, Oasis, Depeche Mode, entre muitos outros. Com Maria Anadon (voz), André Reis (guitarra), Zé Soares (guitarra) e André Mota (bateria).

 

 

O Casino Lisboa acolhe, de 28 de Novembro a 1 de Dezembro, “Tributo 100 Anos de Samba”. Este grupo de experientes músicos presta homenagem ao Samba, nomeadamente à sua história e aos seus compositores e intérpretes. Estarão em destaque clássicos da canção brasileira.

 

Com Daniela Mendes na voz, André Marques da Silva no violão, João Fião na percussão e Luís Delgado na bateria, este quarteto propõe-se recriar os melhores registos de Noel Rosa, Cartola, Dona Ivone Lara ou Martinho da Vila, entre tantos outros.

 

Arena Lounge – Jukebox

O programa de animação musical engloba, ainda, de Quinta-Feira a Sábado, pouco depois da meia-noite, diferentes Dj’s que seleccionam os registos adequados, prolongando o ambiente festivo até de madrugada. Com entrada livre, o elenco é o seguinte:

 

Programa de Novembro

01 - Pan Sorbe

02 - João Afonso

03 - Luis Patraquim

 

08 - Dj Al

09 - Bruno Safara

10 - Diogo Pires

 

15 - Nuno di Rosso

16 - Yugo Dee

17 - Luis Leite

 

22 - Mário Valente

23 - Nery

24 - Sheri Vari

 

29 - Pelota

30 - John Holmes

 

Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Lisboa é reservado a maiores de 18 anos.

 

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 19 de novembro de 2018 – 14:09:08

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...