14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Recital de Fagote e Piano com Eduardo Sirtori e Kodo Yamagishi no Conservatório de Música de Sintra

 

No dia 22 de fevereiro, às 19h00, o Conservatório de Música de Sintra acolhe um recital de fagote e piano, com os músicos e docentes da Universidade de Évora, Eduardo Sirtori e Kodo Yamagishi. Do programa constam obras de W.A. Mozart, F. Mignone, P. Ancelin, P.M. Dubois e J. Ibert. O recital tem entrada livre.

 

Natural de Santa Fé, Argentina, Eduardo Sirtori começou a estudar e tocar fagote na Orquestra Sinfónica de Niños da sua província, em 1986.Em 1998, viajou para a Alemanha para estudar na classe de Professor Gustavo Núñez (1º fagote, Royal Concertgebow, de Ámsterdão), na Escola Superior de Düsseldorf onde completou o diploma com menção honrosa em 2002. Subsequentemente, fez uma pós-graduação com o professor Klaus Thunemann, em Berlim.

Em paralelo com os seus estudos formais, Eduardo participou ativamente nas masterclasses dos fagotistas mais aclamados no mundo. Em 1999,  recebeu uma bolsa de estudos da UNESCO para aprofundar o seu trabalho em Música de Câmara e foi convidado para participar numa residência no Banff Center for the Arts, em Alberta, Canadá. Entre outros prémios recebidos por Eduardo Sirtori destaca-se o prémio Mozarteum em Música de Câmara, a Bolsa da Fundação Antorchas (Argentina) e do Ministério de Relações Externas de Alemanha em Bonn.

 

Entre 2000 e 2002 foi membro da Orquestra do Verbier Festival (Suíça) e regularmente convidado de outras orquestras. Atualmente, é Professor de Fagote e Música de Câmara na Universidade de Évora e da Academia de Artes de Sines (Portugal), e desempenha funções como assistente e/ou professor substituto nas escolas superiores de Düsseldorf e Karlsruhe. O trabalho de Eduardo Sirtori estimulou a criatividade de alguns compositores que lhe dedicaram várias obras nos últimos anos, entre eles Walter Heinze, Gordon Lawson e Sérgio Azevedo.

 

Nascido no Japão em 1971, Kodo Yamagishi estudou na Universidade de Música de Viena, na classe de direção musical de U. Lajovic, onde obteve o mestrado. Nessa época trabalhou como correpetidor e maestro em produções de óperas e dirigiu a Orquestra Pró-Arte de Viena. Participou ainda nas master classes de direção, piano e interpretação de Lieder em Viena, no Cairo, em Weimar e com Dietrich Fischer-Dieskau em Estugarda. Desde 1997 que atua como assistente nas master classes do maestro E. Acel.

 

De 2002 a 2004 trabalhou como maestro correpetidor e Kapellmeister no Pfalztheater em Kaiserslautern (Alemanha), onde teve oportunidade de dirigir 22 récitas de óperas.

 

Em 2004 dirigiu a Orquestra Nacional da Cidade de Oradea, na Roménia, e desde a temporada 2004/05 é maestro assistente do Coro do Teatro São Carlos, de Lisboa.

 

Foi vencedor do Prémio «Finalista» (2.º lugar) do II Concurso International de Direcção de Orquestras e Prémio «OSESP” em São Paulo.

 

Conservatório de Música de Sintra

Rua Natália Correia, nº 7, Vale Mourão – 2635-475 Rio de Mouro

 

Periodicidade Diária

domingo, 22 de setembro de 2019 – 14:42:25

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...