13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

036 - Artigo

Acabou o Inverno e a verdade é que este ano, excluindo uma semana ou outra, quase não se sentiram as adversidades próprias desta estação, o frio, o vento e a chuva. Os dias já começam a ficar mais longos e a temperatura amena faz-nos sentir mais próximos do Verão. É exactamente nesta estação, a Primavera, que uma grande fatia da população começa a pensar nas férias de Verão, na praia e na exposição do corpo. E, à medida que as roupas vão ficando aligeiradas, o famoso “pneuzinho” torna-se mais visível. Nesta fase começam as preocupações com a estética e como consequência a corrida aos ginásios, às dietas e a outros métodos aumenta exponencialmente, tudo na esperança de, em 2 ou 3 meses, remediar os erros que se cometeram durante meses e até anos.
 
Se porventura se revê nestas palavras, saiba que apenas se estará a enganar a si próprio se pensa que em dois ou três meses vai ficar em forma para o Verão. Provavelmente até fica, mas não será no Verão de 2008!
 
O estilo de vida pouco saudável, comum as muitos portugueses, é o grande culpado do excesso de peso com que muitos se confrontam. Falta de exercício físico regular e maus hábitos alimentares estão entre os principais factores que classificam um estilo de vida deste género.
 
A saúde e o bem-estar deveriam ser as principais motivações para se terem hábitos de vida saudável, com exercício físico regular e alimentação equilibrada na sua base. Ainda assim é o factor estético que motiva a mudança de comportamentos na época do ano que se aproxima. E até pode ser um bom motivo, se vier a promover alterações comportamentais consistentes.
 
Se pretende melhorar a sua imagem, perder peso e depois mantê-lo, esteja certo que fazer exercício físico de forma regular é um factor incontornável. Convença-se que terá que manter este hábito ao longo da vida e não apenas no período que antecede o Verão. Além disso terá que alterar os seus hábitos alimentares, porque provavelmente também não serão os melhores. O recurso aos suplementos pode ser uma boa ajuda afim de maximizar os resultados. Eis algumas dicas que o poderão ajudar a melhorar o seu estilo de vida e também a atingir resultados:
Faça exercício físico variado (Cross Training) – promove melhores resultados e aumenta a motivação, diminuindo a taxa de desistência por saturação. Muitos de nós restringimos a prática de exercício a uma única actividade. Caminhar, nadar, correr, andar de bicicleta, fazer musculação são alguns exemplos. O Cross Training desafia o seu corpo de formas diferentes em cada dia, o que lhe permite alcançar os seus objectivos e proporciona-lhe um equilíbrio geral. Mais músculos têm a oportunidade de ser trabalhados através de exercícios diferentes, o que prepara o organismo para quase todo o tipo de actividades. Evite os padrões e as rotinas de treino. O único padrão permitido aqui é a realização mínima obrigatória de 3 sessões semanais de exercício físico.
  • Faça exercício físico com uma intensidade confortável mas desafiadora. Os treinos mais intensos promovem maiores benefícios pós-exercício, quer ao nível da condição física quer ao nível do desgaste calórico.
  • Crie um plano de treino onde irá incluir diversas actividades. Assim sabe que este é um processo controlado por si.
  • Beba água. No mínimo 2 litros/dia. Mantêm o corpo hidratado, regula o trânsito intestinal e elimina as toxinas em excesso no organismo.
  • Aumente o consumo de vegetais e frutas. As fibras são muito importantes para melhorar o trânsito intestinal, controlar o apetite, condicionar a absorção de gorduras e as variações de glicemia no sangue. Tome sempre um pequeno-almoço com cereais integrais e acompanhe as suas refeições de vegetais, Não se esqueça da sopa.
  • Faça várias refeições ao dia. Evite os períodos de jejum prolongados (mais de 3 horas). Eduque o seu metabolismo a ser mais activo consumindo pequenas refeições ao longo do dia.
  • Aumente o aporte de proteínas na sua dieta diária, reduzindo o consumo de gorduras e hidratos de carbono. As proteínas preservam a massa muscular, têm um efeito saciante e ajudam nas dietas de perda de peso. Os batidos proteicos, à base de proteína do soro do leite (whey) podem ser excelentes alternativas às refeições, sobretudo ao jantar, período após o qual a maioria não desgasta as calorias ingeridas, que depois se acumulam no tecido adiposo.
  • Suplemente-se! Existem excelentes suplementos alimentares no mercado que nos ajudam a compensar a pobreza das dietas quotidianas. Suplementos multinutrientes, com vitaminas e sais minerais, podem compensar a falta de fruta por exemplo. O CLA (ácido linoleico conjugado) é um suplemento natural que ajuda a reduzir a percentagem de gordura corporal ao mesmo tempo que preserva a massa muscular. Suplementos de Ómega 3 também devem ser incluídos na sua dieta, principalmente se consumir pouco peixe. É um excelente nutriente para manter um sistema cardiovascular saudável.
Poderíamos deixar aqui inúmeras dicas com as quais certamente adoptaria um estilo de vida mais saudável, conseguindo com isso também controlar e perder peso (se for esse o caso). Mas fique ciente que não existem soluções isoladas e ser saudável passa sobretudo por ser fisicamente activo e ter uma alimentação equilibrada ao longo da vida.
 
Não se iluda com soluções milagrosas e resultados rápidos que visem o Verão. Estas são normalmente efémeras e não promovem a melhoria da saúde – o osso bem mais precioso!

V o t o s  de  B o a s  F e s t a s

Periodicidade Diária

quarta-feira, 19 de dezembro de 2018 – 11:53:30

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...