13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Red Bull Air Race World Championship 2018 decide-se no próximo fim de semana

 

A oitava e derradeira corrida deste ano da Red Bull Air Race World Championship vai decidir o título de Campeão, com três pilotos bem posicionados para chegar ao troféu mais ambicionado. A correr em casa, o veterano Michael Goulian está em vantagem mas conta com a forte oposição de Martin Šonka e de Matt Hall. Finalíssima decorre num circuito automóvel.

 

Depois de Indianápolis, é agora a vez da Texas Motor Speedway - lendária pista de corridas de automóveis - receber uma etapa da Red Bull Air Race World Championship. Trata-se da oitava e derradeira corrida da temporada de 2018, com encontro marcado para o próximo fim de semana (17 e 18 de novembro) e transmissão assegurada para todo o mundo através da página oficial da competição, em www.redbullairrace.com.

 

Tal como as duas corridas anteriores, a ação decorre sobre terra, com os melhores pilotos do mundo a voarem no centro da pista ao longo de uma sucessão de pilares e pórticos insufláveis a quase 400 quilómetros por hora.

 

Mantendo a tradição dos últimos anos, esta grande final decorre em solo norte-americano - o que acaba por ter algum significado para os pilotos da casa. O veterano Michael Goulian é, à partida, o grande favorito para esta jornada. Além de contar com o apoio do público local, que anseia por um regresso ao topo dos seus ases, Goulian tem uma vantagem de cinco pontos sobre o seu mais direto perseguidor - o checo Martin Šonka (vencedor da última edição da Red Bull Air Race Porto). Esta vantagem é, ainda assim, escassa. Tanto Šonka como Matt Hall, que está a sete pontos de distância, têm ainda fortes possibilidades de conquistar um título inédito nas suas carreiras. O primeiro precisa de ser, pelo menos sexto classificado, enquanto o segundo terá de terminar acima do terceiro posto.

 

Na equação desta finalíssima deve sempre constar a possibilidade de um empate, o que não seria de todo inédito. Em 2007, dois pilotos terminaram a época com o mesmo número de pontos, obrigando a organização a promover um desempate.

 

Assumindo alguma “luta para manter altos os níveis de confiança”, Goulian chega a Fort Worth na sua melhor forma de sempre e depois de conquistar em Indianápolis uma vitória muito suada. Será este o ano da sua consagração?

 

Esta corrida pode ser acompanha em direto na página oficial da competição, em www.redbullairrace.com, com as qualificações a decorrem no sábado (17 de novembro) e as finais no domingo (18 de novembro).

 

 

Periodicidade Diária

terça-feira, 18 de junho de 2019 – 01:39:09

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...