13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Paula Marisa Castro homenageada pelo COP no âmbito do Dia Internacional da Mulher

 

A Cerimónia evocativa do Dia Internacional da Mulher decorreu esta segunda-feira, 11 de Março, no auditório do Comité Olímpico de Portugal.

 

Paula Marisa Castro, atual treinadora do Colégio de Gaia, da 1ª Divisão Feminina, já soma inúmeros títulos e troféus na sua carreira. Enquanto atleta, foi campeã nacional em 90/91, venceu a Taça de Portugal em 89/90 e, ainda, a Supertaça, em 91/92 e participou nas mais variadas competições internacionais: Taça Campeões Europeus, Taça EHF, Taça das Taças e Taça Challenge. Treinadora desde 1989 até ao presente, sempre no Colégio de Gaia, foi também selecionadora nacional e, à frente da Seleção Nacional A Feminina, fez história ao conseguir levar Portugal, pela única vez, a uma fase final de um Campeonato da Europa.

Foi, esta segunda-feira, uma das onze Treinadoras homenageadas pelo Comité Olímpico de Portugal (COP), que, no âmbito do Dia Internacional da Mulher, distinguiu mulheres que se destacaram como treinadoras, numa cerimónia que decorreu no auditório do COP e que contou com a presença de João Paulo Rebelo, Secretário de Estado do De sporto e Juventude e José Manuel Constantino, Presidente do COP.

Na mesa de honra, esteve Rita Nunes, diretora do departamento de estudos e projetos do COP, Elisabete Jacinto, Presidente da Comissão de Mulheres e Desporto do COP - da qual também faz parte a vice-presidente da FAP, Juliana Sousa, que também esteve presente - e a conferencista convidada, Maria Sameiro Araújo.

"É uma honra receber esta distinção", começou por dizer Paula Marisa Castro. "Eu não vou dizer que não sonhava, quando andamos nisto sonhamos com uma distinção destas e é fantástico. É o fruto do nosso trabalho, do dia-a-dia, de ter chegado a este patamar. Olhando para todas as homenageadas, também a minha homenagem é merecida", reconhece, com emoção. "A dificuldade que a mulher tem no desporto, é verdade, a necessidade de ter um apoio muito grande por trás, é verdade e isso eu tenho e tive. O apoio das atletas, porque sem elas não fazemos nada, da família, da instituição e da Federação, que me deu a oportunidade de chegar à seleção e alcançar um feito único em Portugal, que não existia", recorda a treinadora.

Paula Marisa Castro (Andebol), Adelaide Patrício (Voleibol), Ana Hormigo (Judo), Anabela Leite (Atletismo), Cristina Claro (Patinagem), Cristina Gomes (Ginástica), Dina Pedro (Muai Thai), Helena Barros (Pólo Aquático), Helena Costa (Futebol), Leonor Peralta (Ténis) e Teresa Barata (Basquetebol) foram as onze Treinadoras homenageadas pelo COP.

 

Periodicidade Diária

domingo, 24 de março de 2019 – 01:20:48

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...