13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Carlos Fava dentro do normal na Rampa da Serra da Estrela

 

 

Uma vez mais o Volkswagen 1303 de Carlos Fava esteve em grande plano, onde o piloto da Tacofrota,acabaria por fazer um bom resutado quase junto a sua terra natal.

 

Assim na 1ª subida da warmup, Carlos Fava faria um tempo de  4.11.083 à média de 75,113 km/h, correspondendo ao 28º melhor tempo na classificação geral, e 3º no Campeonato Portugal Clássicos de Montanha. Para a 1ª subida oficial de prova, Carlos Fava acaba por fazer um tempo fabuloso com 3.53.699, à média de 80,71 km/h, sendo o 19ª na classificação geral, e 2ª no Campeonato Portugal Clássicos de Montanha.Já na 2ª subida oficial de treinos, Carlos Fava acabaria por piorar o seu tempo fazendo todo o percurso  da Rampa da Serra da Estrela em 3.55.140, à média de 80,22 km/h, correspondendo ao 23º posição na classificação geral, e 3º no Campeonarto Portugal de Clássicos de Montanha.

 

Mas Carlos Fava acabaria por não fazer a 1ª subida oficial de prova, isso motivado por estar preocupado em rever o seu Volkswagen, e assim logo no dia seguinte, na warmup 2 faria 3.58.325, sendo o 19º mais rápido na classificação geral, e de novo o 3º no Campeonato Portugal Clássicos de Montanha.Na derradeira subida de treinos acabaria por não melhorar em relação ao tempo anterior fazendo 3.58.501 à média de 79,09 km/h, sendo de novo o 19ª na classificação geral, e 4º no Campeonato Portugal Clássicos de Montanha.

 

Mas para a 2ª subida oficial de prova, Carlos Fava “meteu-se “ a caminho e acabaria por conseguir melhorar o tempo de forma substancial com 3.55.094, isto à média de 80,24 km/h, sendo o 22º na classificação geral e 3ª no Campeonato Portugal Clássicos de Montanha.Para fechar esta sua participação  em “beleza” na Rampa da Serra da Estrela, na 3ª subida de prova, acabaria por suplantar os tempos anteriores, fazendo 3.51.715, encerrando a sua participação.

 

Depois de ter assistido  à cerimónia do pódio, descreveu-nos o que foi a jornada dizendo “ não correu lá muito bem, conseguimos melhorar o carro, e isso viu-se nas ultimas subidas.Não estou a fazer o Campeonato, por isso também me quis divertir o mais possivel, por isso estou satisfeito “, disse-nos.

 

CLASSIFICAÇÕES

 

CAMPEONATO PORTUGAL CLÁSSICOS MONTANHA – DIVISÃO 6

 

CAMPEONATO PORTUGAL CLÁSSICOS MONTANHA – GRP 65

 

CAMPEONATO PORTUGAL CLÁSSICOS MONTANHA – CI 17

 

1º Fernando Salgueiro – Ford Escort

2º Ricardo Loureiro – Ford Escort

3º Augusto Vasconcelos – Ford Escort

4º CARLOS FAVA – VOLKSWAGEN 1303

 

 

Periodicidade Diária

terça-feira, 16 de julho de 2019 – 00:51:01

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...