14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Rali Vidreiro Centro de Portugal 2019 - ARC Sport discutiu vitória até ao fim

 

Não podia ter tido mais emoção a discussão pela vitória no Rali Vidreiro Centro de Portugal. Numa luta à décima de segundo, Ricardo Teodósio e José Teixeira, fizeram tudo para vencer e continuam na frente do Campeonato de Portugal de Ralis, com a discussão do título a ficar guardada para o Rali Casinos do Algarve.

 

 

Tenho pena não ter conseguido vencer, mas este resultado já foi uma vitória. Senti sempre que podia ter ganho o rali, inclusivamente no último troço, fiz o melhor possível, mas foi o que deu. Sem o excelente trabalho do meu fisioterapeuta, não tinha conseguido fazer este rali.  Continuamos na liderança do campeonato, e agora está tudo em aberto para o Algarve”, disse Ricardo Teodósio.

 

Também ao volante de um Skoda Fabia R5, João Barros e António Costa tentaram regressar aos lugares do pódio, mas desta vez a tarefa não foi fácil.

 

 

Fugiu o pódio, num rali muito disputado. Quero dar os parabéns ao trio da frente que fizeram uma excelente prova. Não consegui o ritmo que queria, e optei por uma toada mais suave, já a pensar no Rali do Algarve”, afirmou João Barros.

 

A pretender ir sempre mais longe, Pedro Almeida reencontrou um ritmo mais a seu gosto nesta prova. Agora com Miguel Ramalho a seu lado, o piloto de Famalicão pretende continuar a evoluir cada vez mais.

 

 

O Miguel foi uma excelente ajuda. Quero trabalhar para melhorar de prova a prova, e penso que neste rali houve uma melhoria constante. Limpei a má impressão com que fiquei de Amarante, e agora só quero pensar num bom trabalho para o Rali do Algarve”, disse, otimista, Pedro Almeida.

 

Ao volante de um carro novo, Miguel Correia e Pedro Alves conseguiram um excelente registo. O jovem piloto gostou bastante do Skoda Fabia R5.

 

 

A estreia com o Skoda foi excelente. Não tenho saudades do Fiesta e fico com muota vontade de fazer mais quilómetros com este novo carro. Este foi um rali muito exigente e traiçoeiro, com diversas variações de piso e andamentos. Gostei da experiência e quero fazer melhor no Algarve”, afirmou Miguel Correia.

 

Dos Açores, chegou o campeão local. Luís Rego Jr., acompanhado por Jorge Henriques voltou a ganhar ritmo em provas do CPR, para preparar a revalidação do título açoriano.

 

 

Foi muito bom! Mais uma grande experiência onde consigo fazer um balanço muito positivo, nestas realidades diferentes da competição nos Açores. Foi um bom resultado, perante concorrentes com um conhecimento profundo destas provas. Acho que ganhei um bom ritmo para o Rali do Pico”, disse Luís Rego Jr.

 

Para a ARC Sport o balanço continua positivo. Para além de continuar na liderança do CPR com Ricardo Teodósio, discutiu a vitória no Rali Vidreiro até final e conseguiu excelentes resultados com todas as suas equipas.

 

Melhor só mesmo a vitória, que fugiu por décimas de segundo. Estamos orgulhosos da prestação do Ricardo, ainda mais porque conseguiu superar os problemas físicos que o afetaram, depois do acidente que teve durante os testes.  Os meus parabéns ao Ricardo, que continua a liderar o campeonato, mas também a todas as equipas que estiveram com a ARC Sport neste rali. Todos eles tiveram um comportamento fabuloso”, disse Augusto Ramiro.

 

Fotos: AIFA | Albano Loureiro

 

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 16 de dezembro de 2019 – 07:34:32

 

 
Feliz Natal e um
 
Próspero Ano Novo
 
 
Boas Festas!
 

 

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...