13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Alejandro Martins no Rally du Maroc

 

 

Jornada da Taça do Mundo antecede luta pelo título para piloto da AM 48

 

Depois do importante triunfo na Baja TT Idanha-a-Nova, penúltima etapa do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno 2018, que o coloca em grande destaque na luta pelo título nacional a ser discutido na Baja Portalegre 500, Alejandro Martins, aos comandos da Toyota Hilux AM 48, vai disputar, nos próximos dias, o Rally du Maroc, prova da Taça do Mundo onde vão marcar presença quase todas as grandes equipas mundiais da modalidade.

 

 

Naturalmente feliz por, através da vitória em Idanha, passar a depender exclusivamente de si para a luta pelo título nacional, Alejandro Martins encara a sua participação na prova africana com alguma descontração: “Perante uma concorrência fortíssima e num outro patamar de conhecimento deste tipo de provas, resta-me naturalmente fazer o melhor possível. Já demonstrei no passado que nos percursos de pista me consigo bater por uma boa posição absoluta, resta-me tentar que a sorte esteja um pouco connosco nas travessias de dunas onde é muito fácil cometer erros. Vamos tentar estar muito focados para não os cometer, sabendo que temos uma excelente máquina e uma equipa que continua a dar o seu melhor para que tudo funcione na perfeição. Se conseguirmos terminar no Top 10 será fantástico”.

 

 

Na prova marroquina onde terá como navegador Manuel Porém o programa desportivo arranca com um prólogo de 10 km em Fès a 4 de outubro, seguindo no dia 5 em direção a Erfoud de onde regressa a Fès no dia 9. Os concorrentes terão pela frente cinco etapas com um total de 1352 quilómetros cronometrados.

 

 

Periodicidade Diária

sábado, 25 de maio de 2019 – 05:21:30

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...