13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Junior Pro Espinho avança para as fases finais

 

 

Contingente francês em destaque

 

Os surfistas franceses estiveram em destaque no Junior Pro Espinho, a primeira etapa do circuito mundial de surf Pro Junior na Europa em 2018, que hoje continuou a ser disputada, com ondas de 0,5m a 1m, na Praia da Baía.

 

Com a realização da quarta fase masculina, encontram-se agora em prova apenas 16 surfistas, dos 128 originais. Destes, 10 são franceses, 3 são espanhóis, um é italiano, outro alemão e outro ainda português.

 

Salvador Couto

 

Salvador Couto foi o único “sobrevivente” da armada lusa, que mantinha quatro surfistas no round quatro. Couto voltou a mostrar muito bom surf e maturidade competitiva, avançando assim para o round 5, que antecede os quartos de final homem-a-homem. Para trás ficaram Afonso Antunes, Guilherme Ribeiro e Afonso Candeias, todos em 17º lugar da geral.

 

Marco Mignot

 

Entre o grande contingente francês a avançar na prova, destaque para o defensor do título desta etapa, Marco Mignot, que conseguiu a melhor pontuação combinada da prova até agora, 15,57 pontos em 20 possíveis.

 

Maxime dos Anjos

 

Kauli Vaast

 

Igualmente fortes estiveram Maxime dos Anjos, Tiago Carrique e Kauli Vaast, também com boas pontuações, assim como os irmãos bascos Adur e Iker Amatriain ou o alemão Lenni Jensen.

 

Adur Amatriain

 

Lenni Jensen

 

Mario Rasines

 

A maior surpresa do dia deu-se na terceira bateria desta fase, com a eliminação do francês Thomas Debierre (ex-campeão europeu e mundial sub-16 por equipas), frente ao muito jovem espanhol Mario Rasines, que continua a fazer estragos perante atletas mais cotados.

 

Nas meninas, com a realização da segunda e terceira fases hoje, as competidoras em prova ficaram reduzidas a oito, que posteriormente disputarão os quartos de final mulher-a-mulher. Aqui o destaque vai para o contingente espanhol, que detém metade das atletas em prova. Além das espanholas, estão ainda duas francesas em prova, uma israelita e uma portuguesa.

 

Mafalda Lopes

 

Mafalda Lopes é assim a única sobrevivente lusa de um contingente que hoje começou com cinco surfistas, num dia em que a inglesa Ellie Turner, vice-campeã europeia em título, também foi eliminada.

 

O Junior Pro Espinho e o Espinho Surf Destination regressam amanhã, a partir das 8h. Com a previsão de tempestade para todo o dia, é possível que não se realizem baterias este sábado, mas a confirmação oficial só acontecerá pela manhã. Fora de água, pode ainda visitar a Sponsors Village e a ESD Kids Zone, onde encontrará motivos reforçados para uma estadia agradável em Espinho.

 

O Espinho Surf Destination 2018 é um evento da World Surf League, uma organização da GPDESIGN Brand Communication e da Câmara Municipal de Espinho, com o patrocínio da Câmara Municipal de Espinho, os apoios da Castros Iluminações, Caetano Star Mercedes, McDonalds, Hotéis Grupo M Espinho, Hotel Monte Lírio, Praia Golfe Hotel, Padaria Pepim, Progresso Plantas, Safina, Restaurante Terra Viva, Surfing Porto, Somersby, Pedras, Vitalis, Buondi, ComercialTec, Hugo dos Telemóveis, CP – Comboios de Portugal, Eskada, Greencoast Surfschool, Magna Kids, Rios e Trilhos, Jet Resgate, Drª Maria Antónia Grenha, 58, Alka Surfboards, Extreme Surfboards, Motos Vortex/Gold, Açaí Anauê, AC Trevo, Mimó Porto, Flor Criativa, Presuntos Serrano, tendo como media partners a RTP, FuelTV, Porto Canal, Jornal Defesa de Espinho, Surftotal, BeachCam, SurfPortugal e Magicseaweed, bem como a homologação da Federação Portuguesa de Surf.

 

Anat Lelior

 

Nadia Erostarbe

 

Eveline Hooft

 

 

 

V o t o s  de  B o a s  F e s t a s

Periodicidade Diária

sexta-feira, 14 de dezembro de 2018 – 22:29:54

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...