14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Longboard Pro Espinho arranca na Praia da Baía

 

 

O Longboard Pro Espinho, primeiro evento da sexta edição do Espinho Surf Destination 2019, teve hoje início, na praia da Baía. Apesar das previsões apontarem para muito mau tempo, a verdade é que o sol raiou durante a manhã desta sexta-feira, permitindo colocar as primeiras fases na água.

 

 

Com ondas a rondar dois metros e alguns sets maiores junto ao famoso pontão de Espinho, realizou-se o primeiro round feminino, seguido de cinco baterias do primeiro round masculino, sem surpresas de maior.

 

 

O maior destaque ficou por conta da atleta francesa Alice Lemoigne, actual quinta classificada no ranking mundial e cabeça de série número um no Longboard Pro Espinho. Alice, que compete pela primeira vez em Espinho, fez o maior score do campeonato até agora (quase 15 pontos) e avançou facilmente para os quartos de final, assumindo-se como a principal candidata ao título.

 

Destaque igualmente para a sua compatriota Zoe Grospiron, para a inglesa Beth Leighfield e para a holandesa Nienke Duinmeijer, todas vencedoras das sua respectivas baterias.

 

 

As duas portuguesas em prova, Raquel Bento (foto) e Kathleen Barrigão (campeã nacional), também avançaram para os quartos de final, em segundo lugar nas suas baterias, demonstrando muita determinação.

 

 

Na prova masculina, os destaques vão para o campeão nacional de 2017, Diogo Gonçalves,

 

 

para os franceses Benoit Carpentier (foto) e Clement Roseyro, e para o inglês Ben Skinner, multi-campeão britânico, europeu e ex-top 5 mundial.

 

Os quatros longboarders venceram as suas baterias homem-a-homem dos oitavos de final, juntando-se assim a Edouard Delpero (vice-campeão mundial em 2017 e cabeça de série número um no Longboard Pro Espinho 2019) nos quartos de final. Edouard teve passagem directa para a fase seguinte, devido a ausência do seu adversário.

 

A melhor onda do dia foi para Clement Roseyro, com um 6.23 em 10 pontos possíveis, eliminando o brasileiro Eduardo Bagé, ex-top mundial da modalidade.

 

As restantes três baterias dos oitavos de final masculinos ficaram por realizar hoje, devido à entrada de uma forte tempestade ao início da tarde, que impossibilitou a competição de continuar. Quando recomeçar, todos os olhos vão estar colocados nessas três baterias, uma vez que estarão em prova o actual campeão nacional, João Dantas, o seu amigo e conterrâneo João Gama e o wildcard local Eduardo Ribeiro, cada um no seu respectivo heat.

 

Amanhã, devido à previsão de ventos muito fortes, não haverá competição em Espinho. Assim, o Longboard Pro Espinho regressará no Domingo, com a chamada marcada para as 07h30m da manhã e as finais previstas para o início da tarde.

 

Além das competições de surf, o Espinho Surf Destination 2019 conta ainda com diversas actividades para públicos diferenciados, quer na já essencial Sponsors Village, como também numa nova área de diversão, que inclui uma PumpTrack, de acesso gratuito a todos os visitantes. Existirá ainda uma mostra de cinema de surf, workshops de fotografia, exposições, baptismos de surf, aulas de surf adaptado e aulas de fitness, entre outros.

 

 

O Espinho Surf Destination 2019 é uma organização da GPDESIGN Brand Communication e da Câmara Municipal de Espinho, com o patrocínio da Câmara Municipal de Espinho, da Solverde, Castros Iluminações, Padaria Pepim, Mercedes Nasamotor, McDonalds, Somersby, Pedras e Vitalis, os apoios da Comercial Tec, Manipura, Nacional, MEO, Ereserv PumpTrack, Go Healthy, Unkeeper, Terra Viva e Greencoast Surfschool, tendo como media partners o Fuel TV, o Porto Canal, a Mega Hits, Surftotal, BeachCam e ONFIRE.

 

 

Periodicidade Diária

sábado, 14 de dezembro de 2019 – 21:13:07

 

 
Feliz Natal e um
 
Próspero Ano Novo
 
 
Boas Festas!
 

 

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...