13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Medalhas de bronze no Campeonato Europa de Clubes de Triatlo em Elites e Juniores

 

Realizou-se dia 6 de outubro de 2018, o Campeonato da Europa de Clubes por Estafetas Mistas, em Belém, Lisboa.

 

Na categoria de elite estiveram presentes 18 equipas de dez nacionalidades diferentes, com os triatletas internacionais de topo, incluindo os três melhores clubes nacionais, com o Lisboa Sport Benfica, o Alhandra Sporting Club e o Outsystems Olímpico de Oeiras.

 

A prova teve lugar em Belém, na doca junto ao Monumento aos Combatentes, com o parque de transição, caixa de estafetas e meta tudo no mesmo local, o que atraiu a assistência do público.

 

A distância deste Campeonato da Europa de Clubes foi super sprint, com cada um dos elementos da equipa a fazer 250 metros de natação, 7km de ciclismo e 1,7km a correr, uma distância muito rápida em que os atletas percorrem a sua parte da prova em cerca de 18 a 20 minutos. Este formato que será pela primeira vez modalidade olímpica nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

 

Para os atletas trata-se de uma prova explosiva, feita sempre no máximo das suas capacidades, para passar o testemunho o mais rápido possível.

 

Na categoria de elite foi o Sport Lisboa e Benfica, atual campeão em título, o melhor clube nacional em prova, que alcançou a medalha de bronze com o tempo total de 01:23:43. A equipa foi composta por Katie Zaferes, uma triatleta norte-americana que integrou recentemente o Benfica e que foi a primeira atleta a entrar em prova, seguida de João Silva que passou o testemunho a Vera Vilaça que por sua vez o passou João Pereira, o último elemento a integrar a competição.

 

Melanie Santos ficou impossibilitada de participar na equipa dado uma lesão recente da qual ainda se encontra a recuperar, pelo que o Benfica convocou a norte americana Katie Zaferes.

 

Katie fez uma prova exemplar, saindo em primeiro em todos os segmentos, João Silva conseguiu manter o nível elevado, mas foi apanhado na corrida, passando o testemunho em terceiro a Vera Vilaça, que fez uma excelente natação ultrapassando duas atletas e perdeu algumas posições  na corrida. João  Pereira fez uma boa prova e acabou por passar a meta em terceiro lugar com o tempo total de 01:23:43.

 

João Mascarenhas, treinador de triatlo do Benfica, explicou a estratégia de equipa: «A nossa ambição era com certeza revalidarmos o título, mas sabíamos bem os pontos fortes de uma e outra equipa e sabíamos que seria extremamente difícil. Lutámos desde o início para procurar a nossa oportunidade, mas os adversários souberam compensar e dispunham de um plantel muito forte e equilibrado.» A ordem dos elementos a entrar em prova faz parte do plano estratégico, como esclarece o treinador «Abrimos com a Katie Zaferes com a intenção de nos isolar ao máximo na frente, o que ela fez ao seu melhor nível. O João Silva, que foi pai na madrugada da prova, não quis deixar de competir e lutou para nos mantermos o mais próximo possível da equipa do Poissy, que sabíamos serem de novo nossos principais adversários. Depois a Vera Vilaça esteve fantástica na natação e ciclismo, chegando mesmo a descolar a Cassandre Beaugrand no ciclismo. Infelizmente ainda não está ao seu nível de corrida depois de um processo cirúrgico e passou o testemunho ao João Pereira já com um atraso que nem ele conseguiu recuperar numa prova tão curta.»

 

O balanço é simples, o objetivo de revalidar o título não foi cumprido, mas haverá mais oportunidades: «Não podemos dizer que estamos satisfeitos, mas saímos deste europeu de clubes com uma medalha. Em 2019, com a Vera Vilaça de volta no seu nível de corrida e a Melanie Santos e a Vanessa Fernandes recuperadas, teremos mais força para recuperarmos este título!» termina o técnico.

 

O primeiro lugar foi para a equipa francesa Poissy Triathlon, que fez o tempo de 01:23:09, e a segunda posição foi alcançada pela Metz Triathlon, também de Franca, com 01:23:35.

 

O Outsystems Olímpico de Oeiras o Alhandra Sporting Club, os outros clubes nacionais em prova, ficaram em 8º e 12º lugar com os respetivos tempos de 01:25:37 e 01:27:15.

 

Os resultados dos Campeonato Europa Júniores Estafetas Mistas

 

Em juniores, o Campeonato da Europa contou com 10 equipas de seis nacionalidades, integrando dois clubes nacionais: o Alhandra Sporting Club e Clube de Natação de Torres Novas.

 

O Alhandra Sporting Club alcançou também a medalha de bronze, igualando a classificação nas elites, fazendo uma excelente prova. Gabriela Ribeiro, a primeira triatleta a entrar em prova, conseguiu um excelente segmento na natação, saindo em primeiro para o parque de transição, mantendo os primeiros lugares durante os outros segmentos. João Queirós foi o segundo elemento da equipa na competição, seguido de Joana Oliveira e por último André Bôto. Os triatletas juniores fizeram uma prova muito consistente, sempre mantendo os primeiros lugares, acabando por terminar na terceira posição.

 

O Clube de Natação de Torres Novas conquistou uma boa posição no Campeonato da Europa ao obter em juniores a 5ª posição

 

A primeira posição foi alcançada pela equipa francesa Poissy Triathlon com o tempo de 01:28:55 e o segundo lugar foi para Les Piranhas, também de França com 01:30:05.

 

Esta prova é muito rápida, onde todos os triatletas dão o máximo em todos os segmentos por causa das curtas distâncias; desta forma a técnica e a gestão do esforço perdem a relevância das provas mais longas, sendo solicitado uma performance explosiva. São competições que podem estar constantemente a mudar em cada minuto e a vitória ou a derrota ser decidida por poucos segundos.

 

 

V o t o s  de  B o a s  F e s t a s

Periodicidade Diária

quarta-feira, 12 de dezembro de 2018 – 21:22:36

Pesquisar

Reportagens fotográficas em preparação

- 61º EDP Grande Prémio de Natal

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...