14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Espinho Open - femininos

 

 

Duas duplas brasileiras, Ana Patrícia/Rebecca e Agatha/Duda, uma norte-americana, Claes/Sponcil, e uma russa, Makroguzova/Kholomina são as «sobreviventes» que disputam, amanhã, as meias-finais do torneio de femininos do Espinho Open 2019 / ActivoBank.


Pelo caminho ficaram duplas como a checa Barbora Hermannova/Marketa Slukova, que participou nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e era cabeça-de-série em Espinho, eliminada (1-2) pelas norte-americanas Larsen e Stockman.

 

Ana Patrícia e Rebecca, muito apoiadas pelo público, venceram por apertados 2-0: (21-19 e 22-20) as chinesas XY Xia e Wang e por 2-1 (25-23, 25-27 e 15-10) as norte-amercicanas Larsen e Stockman, apurando-se assim para as meias-finais.


A dupla canarinha, que luta por todos os pontos como se fossem decisivos, reflecte bem a importância de um torneio como o de Espinho para a pontuação das equipas.


"Este é um ano muito importante por causa da qualificação olímpica. Todas as duplas estão a dar o máximo", deixam o aviso à navegação.

 

Se o favoritismo das brasileiras se concretizar, as vencedoras da final poderão «falar português», já que Ana Patrícia/Rebecca e Agatha/Duda disputam respectivamente a primeira e a segunda meia-final.

 

Dia 20 de Julho - transmissão em directo na Sport TV


Meias-finais
12h15 - Ana Patrícia/Rebeca (Brasil) x Claes/Sponcil (EUA)
13h15 - Agatha/Duda (Brasil) x Makroguzova/Kholomina (Rússia)
Jogo 3.º e 4.º lugar – 16h30
FINAL – 17h45

 

Ana Patrícia Silva Ramos/Rebecca Cavalcanti Barbosa Silva já conquistou três medalhas de ouro, duas de prata e duas de bronze no Circuito Mundial desde Outubro de 2018, incluindo um terceiro lugar no torneio suíço de Gstaad cinco estrelas na semana passada. Ana Patrícia, de 21 anos, também é campeã olímpica da juventude em 2014 e duas vezes campeã mundial Sub-21, ao lado de Eduarda Santos Lisboa (Duda).

 

Duda, de 20 anos, tricampeã mundial Sub-19, e a sua actual companheira de equipa, Agatha Bednarczuk, de 36 anos, campeã mundial de 2015 e medalhista olímpica de 2016, ocupam o terceiro lugar no ranking preliminar de Espinho. Agatha e Duda conquistaram quatro medalhas de ouro, três de prata e cinco de bronze no World Tour.

 

Após os eventos em Portugal e no Canadá, a FIVB realizará etapas do World Tour de 24 a 28 de Julho no Japão e em Itália. O Tóquio Open será uma competição-teste para os Jogos Olímpicos de 2020, tanto para masculinos como para femininos.

 

 

Periodicidade Diária

sábado, 16 de novembro de 2019 – 21:07:34

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...