Portuguesa Sandra Semedo conquista medalha de ouro na Taça Internacional

 

 

A triciclista Sandra Semedo, que representa a Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra (APCC), conquistou hoje (11 de julho) a medalha de ouro na prova de 800 metros da classe RR2 da Taça Internacional de Tricicleta, que se está a disputar em Frederiksberg, na Dinamarca.

 

A atleta completou a prova em 03.30,42, com quase 100 metros de avanço para a segunda classificada, confirmando assim o seu estatuto de uma das mais destacadas praticantes mundiais da modalidade.

 

Com esta conquista, Sandra Semedo passa agora a contar com seis medalhas alcançadas nesta competição – a maior prova internacional dedicada exclusivamente à tricicleta – sendo quatro delas de ouro e duas de prata. No total, a triciclista tem neste momento no seu currículo dez medalhas em provas de nível mundial em representação de Portugal.

 

Sandra Semedo, que é acompanhada pela sua treinadora e atual selecionadora nacional Ana Nunes, alcançou hoje também um 4º lugar na corrida de 100 metros. Irá ainda participar nas provas de 400 metros, cujas qualificações e final se disputam amanhã, e de 5000 metros, que terá lugar no sábado e representará a estreia da atleta nessa distância.

 

A Taça Internacional de Tricicleta 2019 corresponde à vertente competitiva do International RaceRunning Development Camp & Cup, que decorre entre os dias 7 e 14 de julho e que junta cerca de 250 participantes (mais de cem atletas e ainda treinadores e acompanhantes) para uma semana de corridas, treinos conjuntos, formação de técnicos e atividades sociais.

 

 

Além de Sandra Semedo, Portugal está ainda representado por Alírio Almeida, André Pinto e João Lomar.

 

A tricicleta é uma modalidade desportiva mista, praticada em pistas de atletismo e com três classes de competição, em que os atletas correm com os pés, num equipamento com três rodas e três apoios.

 

 

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...