14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Maior Aula de Judo do Mundo foi em Matosinhos

 
Dois dias após Nelson Mandela comemorar 95 anos de idade, que foi a 18 de Julho, a praia de Matosinhos encheu-se de milhares de pessoas para participarem na MAIOR AULA DE JUDO DO MUNDO, que na sua 3ª edição decorreu naquele areal sob um Sol quente mas felizmente não abrasador.
 
"Achieve, Collect, & Give Back" é um movimento cívico que começa em cada um de nós, na perspectiva de consciencializar e alertar para o nosso papel e responsabilidade na formação/educação cívica e desportiva das crianças e jovens. Tem como objectivo a angariação de fundos para a realização de Blocos de Judo ( programa trimestral integrado rem Escolas do Ensino Básico), proporcionando formação desportiva e cívica a jovens em situação de risco.
 
O movimento "Achieve, Collect, & Give Back" é representado por um cinto de judo arco-íris, o " rainboiw belt" que simboliza esperança, união dos contrários, união dos povos e integração social, conceito defendido por Nelson Mandela, embaixador na defesa do conceito de inclusão social.
 
 
O evento esteve inicialmente marcado para o dia 1 de junho , mas como explica o judoca Nuno Delgado na entrevista concedida ao AMMA, entendeu-se , por bem, transferir a AULA para o dia 20 de Julho.
 
Sobre um gigantesco tapete colorido (LILÁS - inspira e estimula a criatividade e o sentido de observação, acalma sem relaxar em excesso; AZUL ESCURO -alivia frustrações e inibições, agindo contra o medo do futuro e do desconhecido; AZUL - transmite esperança e serenidade, é calmante; VERDE - tónico revigorante, relaxante orgânico, estimula o funcionamento do sistema nervoso; AMARELO - irradia optimismo e alegria, colabora com criatividade; LARANJA - revigora a mente, dá bem estar, traz emoções á tona mas de maneira tranquila; VERMELHO - desenvolve vigor, estimula o físico e o sistema nervoso. Serve para levantar a moral).
 
 
Colaboraram neste evento além dos já citados " judocas por um dia" a PSP, ( que incluiu um sinaleiro "cabeça de giz", a Marinha de Guerra Portuguesa , o Exército, a Força Aérea, os Paraquedistas, (cujos saltos surpreenderam toda agente)
 
A Embaixadora da Africa do Sul em Portugal, Keitumetse Matthews foi uma das personalidades presentes no evento ,tendo dirigido (em inglês) palavras de agradecimento a todos os presentes e parabéns ao visado no "Mandela Day"
 
Entretanto e enquanto estava a redigir este texto chega-me a informação de que 989 participantes vestiram o kimono e aproximadamente 600 aplaudiram do paredão da praia esta expectacular Aula de Judo.
 
No palco instalado frente ao areal as movimentações coreográficas eram constantes entre os sete professores da modalidade em que o próprio Nuno Delgado deu o exemplo familiar ao dividir o palco com o seu pai Joaquim Delgado de visita ao nosso país .
 
A velejadora olímpica Joana Pratas também esteve presente vindo directamente do...mar!!!
 
 
Uma outra novidade foi o voo rasante sobre a praia do avião que transportou os "Falcões Negros" que "aterraram" ao som do " We Are The Champions", dos Queen.
 
Por tudo isto (e não só) valeu a pena a "directa" que tive de fazer. E faria novamente!

Texto e fotos : José Carlos Pinto
 
 
Nuno Delgado ao AMMA

"Sou um cidadão comum que sonha e que se compromete com os seus sonhos!."
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Aquando da realização do EUROPEAN OPEN WOMEN -PORTUGAL 2013, (Campeonato do Mundo de Judo) em Odivelas tive a sorte de ter tido um "bate-papo" com Nuno Delgado e aí ficou logo apalavrado que iria fazer a "cobertura " para o AMMA , do" MANDELA DAY"
 
Encontramo-nos naquela magnífica avenida frente á praia de Matosinhos com um ... olá Pinto , sabia que não ia faltar!
 
E a prova disso é a entrevista (exclusiva, porque só estávamos os dois) que se segue.


AMMA- Satisfeito com a amplitude da " AULA " ?

NUNO DELGADO (ND) Sim. Muito satisfeito porque foi uma iniciativa que mobilizou toda a sociedade civil, as Forças Armadas, a Sec. do Estado, o Município. Foi dado o exemplo de que podemos trabalhar em conjunto para o Bem Comum , que é o de formar campeões.
Apesar de não termos conseguido mobilizar todas as pessoas que estavam aqui presentes, a mensagem foi passada, a homenagem a Mandela ficou, estes jovens que estiveram presentes, também crianças que ainda nem sabem andar, ficaram com esta referência, e eu fiquei muito, muito sentido com a envolvência de todos


AMMA- Pelo que reparei este evento foi um misto de alegria e tristeza ?

ND- Sem dúvida, nós sabemos que Mandela está numa situação crítica, e que em breve nos vai deixar, é sempre uma amargura sabermos que vamos perder uma das nossas grandes esperanças, mas no fundo cabe-nos homenageá-lo sempre que possível e a partir desta ações a forma de estar que ele nos trouxe para a vida.

AMMA - Como se constrói esta organização. Isto engloba muita gente e muito dinheiro?

ND- Olha, dinheiro nem tanto como isso porque toda a Sociedade Civil , a Matosinhosport, Câmara Municipal o Exército,a Armada, Força Aérea, IPDJ, todos os voluntarios que se mobilizaram , nós conseguimos fazer este evento quase de borla, porque na verdade  quando há boa vontade podemos fazer coisas inacreditáveis. Isto é praticamente um " milagre " e como sabes a organização é liderada pela Ana Matias sem a qual era impossível este evento.

AMMA- Esteve inicialmente marcado para 1 de junho e foi alterado. Porquê hoje ? (20/07)

ND- Como sabes, nós temos este projecto de formar campeões para a vida nas escolas públicas e exactamente aqui perto, em Paramos, temos um projecto desenvolvido com jovens e crianças felizes com a formação e confrontados com a pergunta quem foi o Mestre que criou o JUDO , chegaram a responder curiosamente que foi o Nelson Mandela. E nós percebemos, logo ali, de que alguma coisa estava errada . Se as nossas gerações não conseguem automaticamente identificar a figura de Mandela a culpa é nossa, e achamos que era razão mais que suficiente para alterarmos toda a dinâmica deste Movimento, falámos com todas as entidades que aceitaram esta decisão e optámos por esta data que era mais consensual.

AMMA- Primeiro, Lisboa , depois Porto , agora Matosinhos . E em 2014, qual è a cidade a escolher?

ND- Olha, nós temos tido imensas solicitações do estrangeiro, ainda hoje tivemos representantes do Brasil, da África do Sul, da Comunidade Portuguesa Africana que viram a MAGIA desta iniciativa, portanto, o Céu é o limite, teremos de continuar a fazer em Portugal, em outras cidades que possamos desenvolver, mas também era do nosso agrado levar esta iniciativa a outros países.

AMMA- O Nuno Delgado é mágico?

ND- (risos) Não. simplesmente sou um cidadão comum que sonha e que se compromete com os seus sonhos, e que este é o melhor exemplo que posso passar aos mais jovens, incluindo a minha filha, que também querem ser campeões.


José Carlos Pinto
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
   

Periodicidade Diária

sábado, 15 de agosto de 2020 – 02:38:28

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...