13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

29.º GP de Atletismo de Queluz de Baixo (“Os Fixes”) com mais de meio milhar de participantes

Susana Cunha (Linda-a-Pastora), e João Bértolo (ADNúcleOeiras) ganharam em termos absolutos as principais corridas do “29.º Grande Prémio de Atletismo de Queluz de Baixo”, competição promovida pelo GRD “Os Fixes” em colaboração com a Divisão de Desporto da Câmara Municipal de Oeiras, e Junta de Freguesia de Barcarena. Susana, repetiu a vitória em Valejas, há 15 dias atrás, e João Bértolo, sem os adversários da corrida inaugural, não teve dificuldades em vencer, arrecadando também o 1.º lugar no seu escalão-sub 23, ele que havia sido 3.º classificado…

 

A prova, pontuável para o 33.º Troféu CMO-Corrida das Localidades, superou o meio milhar de concorrentes chegados à meta, desde os Benjamins até Veteranos M70. Sendo, a segunda prova do calendário de 2015, o número de atletas classificados (576), vem confirmar o crescimento do quadro competitivo da autarquia oeirense e que “rebentou pelas costuras” na corrida inaugural em Valejas, conforme relato ainda disponível no nosso site-AMMA-, um início atribulado devido à confusão instalada com os dorsais provisórios dos clubes de fora do concelho, nomeadamente, Sintra e Cascais, cujos troféus funcionam com o mesmo dorsal, este ano personalizado individualmente.

 

Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Barcarena alegram o ambiente

 

Fanfarra dos BV Barcarena animaram a manhã desportiva

 

Com um programa recheado de actividades ao longo da manhã, os dirigentes do GRD “Os Fixes” premiaram, moradores, concorrentes e acompanhantes com várias actividades, destacando-se a abertura pela Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Barcarena que desfilaram pelas principais artérias da localidade, alegrando o ambiente.

 

Oferta de brindes por alguns patrocinadores, chá quente, mostra de artesanato, massagens de recuperação, demonstração de actividades, como o futebol de formação, hip hop, e karaté, finalizando a manhã com a entrega de prémios e sorteio de 3 vales de material desportivo, oferta da Decatlon.

 

Refira-se ainda que todos os atletas que terminaram as suas provas receberam prémios de presença, para além de um pequeno lanche retemperador. Uma fartura, em tempos de crise, mas que é revelador do trabalho e da importância que os dirigentes do clube organizador dão ao atletismo e à presença de clubes e atletas, em Queluz de Baixo.

 

Centena e meia nos escalões mais jovens vs “formação”

 

Veterania do pelotão mistura-se com novos praticantes

 

Mesmo com outras competições a pedirem meças à corrida do GRD “Os Fixes”, na mesma manhã de domingo, os mais, de meio milhar de concorrentes, devem ter ficado satisfeitos pela opção tomada, até porque não foi necessário pagar nenhuma taxa de inscrição, logo, a oferta foi toda gratuita.

 

NúcleOeiras com forte participação nos escalões jovens

 

E se o pelotão das corridas é maioritariamente veterano, ganha relevância o facto de em Queluz de Baixo, o número de concorrentes dos escalões jovens, também apelidados de “formação” tenha rondado a centena e meia, com o Núcleo de Oeiras-AD, a contribuir com o maior número. Dado curioso, é o facto do escalão de seniores masculinos, ter reunido na linha de chegada, quase meia centena, enquanto no sector feminino, o número ficou pela metade, ainda assim, excelente do ponto de vista participativo.

 

Na frente pouco ou nada de novo na competição por equipas

 

NúcleOeiras, Linda-a-Pastora, Os Fixes, Ribeira da Lage, e Casa Benfica AMM, nos lugares cimeiros por equipas

 

Colectivamente, assistiu-se a mais uma vitória demolidora do NúcleOeiras que somou mais de 45 por cento dos pontos do segundo classificado, o Linda-a-Pastora SC, e cerca de 56% sobre o terceiro, o clube organizador-GRD “Os Fixes”. No 4.º lugar, classificou-se o GRD Ribeira da Lage, superando desta vez, a Casa Benfica em Algueirão-Mem Martins, que voltou a ser a melhor “Extra Concelho”, seguida do Sporting Clube de Portugal, com os leões a não irem além do 10.º lugar na tabela colectiva.

 

Pontuaram 45 equipas, menos uma dezena que em Valejas, pensamos ser fruto da desorganização que se registou, e da oferta desportiva que aconteceu na manhã do domingo, dia 25. Ainda assim, e pelas nossas contas, a grande maioria de clubes/equipas vieram de fora do concelho de Oeiras, contribuindo de forma positiva para o sucesso da competição.

 

Atletas a subir na classificação e a ganhar pontos à concorrência

 

Com a mudança de época, existem também mudanças de escalão. Uns limitam-se a confirmar o seu favoritismo. Outros têm que (re)aprender a correr de forma a chegarem na frente. Alguns, ficam mesmo de fora dos lugares de honra. Olhando para as duas primeiras provas do Troféu CMO, Susana Cunha (Linda-a-Pastora) começa a consolidar a pontuação nas seniores femininas, aguardando-se com alguma expectativa o regresso de Mónica Moreiras (ADNO), crónica vencedora em 2014 (só perdeu uma, em oito), apesar de pertencer ao escalão F35. Marisa Antunes (ADNO) deixou o escalão de sub 23, onde predominava nos lugares cimeiros, e apesar de não lhe ter corrido da melhor maneira a corrida de Valejas, acabou por conquistar a terceira posição em Queluz de Baixo.

 

Izabela Pires (CBAMM) promete nas seniores femininas

 

Novata nas andanças do atletismo pedestre, e no Troféu CMO, está, Izabela Pires, da Casa Benfica em Algueirão-Mem Martins. Começou com um 6.º lugar, em Valejas, entre a forte concorrência, e subiu ao pódio em Queluz de Baixo, onde foi 3.ª. Promete…

 

Nos homens, André Ferreira (M35), do GRD “Os Fixes”, promete dominar o escalão, numa luta directa com Vítor Marques, da AP Tejo-Norte, assim, como em M65, com Carlos Monteiro (“Os Fixes”) que deixou o M60 e a CBAMM, para este ano envergar o emblema de Queluz de Baixo.

 

Finalmente, no M70, há um novo protagonista, Manuel Martins (GRCD Leião), a prometer luta ao “eterno”, Bernardino Pereira, d’”Os Fixes”…

 

Texto e fotos: Ventura Saraiva

 

Principais classificações

Sub 23 masculinos

1.º João Bértolo, ADN Oeiras

2.º Rafael Menau, Individual

3.º João Santos, ADN Oeiras

4.º Wilson Bento, Linda-a-Pastora SC

5.º Leonardo Cabaceira, Ribeira Lage

 

Sub 23 femininos

1.ª Kcenia Bougrova, Valejas AC

2.ª Marta Pitta, ADN Oeiras

3.ª Manuela Mendes, Sporting

4.ª Catarina Carreira, Linda-a-Pastora SC

5.ª Joana Freire, GRDC Leião

 

Seniores masculinos

1.º Ilírio Mendes, Sporting

2.º Rodrigo Duarte, Linda-a-Pastora SC

3.º Afonso Pegado, GRCD Leião

4.º Vasco Marta, “Os Fixes”

5.º Diogo Morgado, Linda-a-Pastora SC

 

Seniores femininos

1.ª Susana Cunha, Linda-a-Pastora SC

2.ª Marisa Antunes, ADN Oeiras

3.ª Izabela Pires, Casa Benfica AMM

4.ª Maria Varela, ADN Oeiras

5.ª Mónica Teixeira, AM Atibá

 

Geral colectiva

1.ª AD NúcleOeiras/SportZone, 717 pontos

2.ª Linda-a-Pastora SC, 381

3.ª GRD “Os Fixes”, 311

4.ª GRD Ribeira Lage, 220

5.ª Casa Benfica AMM, 180

6.ª Valejas AC, 162

7.ª GRCD Leião, 127

8.ª AP Tejo-Norte, 102

9.ª SER “Unidos Leceia”, 84

10.ª Sporting Clube de Portugal, 81

(Pontuaram 45 equipas)

 

 


 

sábado, 22 de setembro de 2018 – 07:35:49

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...